Página inicial Genéricos Entenda os Genéricos

Entenda os Genéricos

O que é um genérico?

O que é um genérico? Antes de um medicamento chegar às prateleiras de farmácias e drogarias, são feitos muitos estudos clínicos e pesquisas até obter a formulação ideal e finalmente ser patenteada. Quando esta patente expira, a fórmula original deixa de ser exclusiva e, então, é possível fabricar a versão genérica.

O genérico nada mais é do que a cópia do medicamento cuja patente deixou de estar em vigor. Para chegar até a população, o genérico precisa passar por testes de bioequivalência (verifica se é absorvido na mesma concentração e velocidade que os medicamentos de referência) e equivalência farmacêutica (atesta que a composição do produto é idêntica ao do medicamento que o originou). Essas avaliações garantem que o genérico seja intercambiável, ou seja, pode substituir os medicamentos de referência prescritos pelos médicos.

É muito fácil identificar um genérico: ele vem com uma tarja amarela, contendo uma grande letra G e a inscrição “Medicamento Genérico”. O remédio genérico não tem nome comercial, é identificado apenas pelo princípio ativo da fórmula.

No Brasil, mais de 400 princípios ativos já estão registrados na ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). São quase 30 classes terapêuticas que combatem as patologias mais frequentes nos brasileiros e grande parte das doenças crônicas.

Desde a implementação da Lei dos Genéricos - 9.787, em 1999, grande parte da população passou a ter acesso aos remédios e dar continuidade a tratamentos medicamentosos tornou-se realidade.

Vantagens de escolher um genérico:

Conheça mais sobre os Genéricos de Neo Química,

O Genérico da família brasileira.